Follow:
Podcast

Tudo sobre Border Collie, o cão mais inteligente do mundo.

border Collie

Olá, bem vindos ao 10º Programa do nosso podcast! Nesse episódio recebemos  mamãe do Guga, um border collie de 4 aninhos, muito hiperativo, apaixonado por bolinha e que não cansa de brincar e interagir. Dá um play aí embaixo e vem ouvir com a gente!



ORIGEM DOS BORDER COLLIES

A raça surgiu da necessidade secular em ter um cão perfeito para o trabalho de pastoreio, resistente à longos percursos, solos irregulares e diferentes temperaturas, focado no trabalho, com exímia eficiência. Conta a história que o border collie é descendente de um cãozinho chamado Hemp que venceu um campeonato de cães pastores em 1873. Hemp era ágil e eficiente no pastoreio, conduzindo o rebanho de ovelhas sem precisar latir ou morder para isso. Ele era tão bom no que fazia que os fazendeiros desejam ter um Hemp em cada fazenda para cuidar de seus rebanhos. O resultado foi a descendência desse cãozinho esperto e trabalhador se popularizar até os dias de hoje.

Há registro da existência da raça na Grã-Bretanha desde o século XVI, mas o nome só foi oficializado em 1925 e o reconhecimento pelo American Kennel Club veio em 1995.

A raça chegou na América no século XIX e foi muito utilizada como cão de trabalho, na exploração agrícola no norte do continente e na criação de rebanhos de ovelha. Aliás, falamos de um passeio para border collies que funciona como uma “colônia de férias”, onde seu border pode ir para aprender a pastorear ovelhas e exercer esse instinto ainda tão forte na raça. Ouve o programa para saber mais, ok?

O Border Collie é um cão silencioso. Não costuma latir durante o trabalho e tem um forte de poder de comunicação com o olhar. Segundo muitos tutores, esses cães hipnotizam seus rebanhos e conduzem os animais apenas com o olhar, sem precisar latir ou mordiscar o rebanho para conduzí-los, o que é surpreende, não?

PADRÃO DA RAÇA

Embora toda raça tenha um certo padrão físico, essas não são as características principais do Border Collie, como a Jade contou. Por haver uma preocupação muito maior com o intelecto do animal, as características físicas são muito mais abrangentes, veja só:

  • Tamanho: de 46 a 56 cm
  • Peso: 13 a 20kg, (mas o Guga tem quase 30kg e não é considerado fora de padrão, para vermos como há uma flexibilidade nessa raça).
  • Porte: Médio
  • Pêlo: a raça possui pelo e subpelo sempre bem macio e denso e são a chave para que ele suportar diferentes tipos de temperatura, pois o subpelo protege tanto do frio como do calor, criando um isolamento térmico para o corpo.
  • Cores: a mais comum é a Bicolor (preto e branco). Mas há os tricolores, vermelho australiano (que é um variação de castanho), marrom e o marmorizado, conhecido como Merle.
  • Saúde: num geral é uma raça muita saudável, mas pode apresentar problemas como displasia coxofemoral, problemas na visão. Alguns nascem surdos, além de alergias à algumas medicações ser comum na raça.
  • Expectativa de vida: um border collie vive em média de 12 a 15 anos, se tiver uma vida equilibrada e saudável.

TEMPERAMENTO DO BORDER COLLIE

Se você busca um cão alegre, companheiro em casa e em aventuras, tenha um Border Collie! Mas se quer um cão tranquilo ou não tiver tempo e paciência, procure outro cão para chamar de seu. Isso porque os border collies são muito ativos, brincalhões, aprendem rápido, fiéis e independentes. 

Mas não é uma raça tão sociável. Então se você quer um cão tranquilo com estranhos, faça esse treinamento ainda filhote. Caso contrário ele pode ser arredio até ter confiança em estranhos, como forma de se proteger. Até porque, como a Jade nos contou, é comum um border collie atacar para se defender, por ser um cão medroso.

Por ser um cão de muito focado, ele também é um ótimo cão de guarda. E para que ele seja tranquilo, seu tutor precisa criar maneiras de gastar sua energia, por exemplo:

  • Passeios diários e longos é o começo. E segundo a Jade, são pelo menos 2 passeios de 1 hora cada.
  • Enriquecimento ambiental também é uma alternativa para cães hiperativos. Pois ocupa sua mente com algo saudável e mantém sua casa intacta.
  • Tenha tempo reservado para interagir com ele, brinque e dê atenção ao seu cão. Isso fará dele um cão mais feliz e tranquilo.
  • Socialize e treine seu cão. Border Collies são muito inteligentes e não treiná-lo para canalizar essa energia de forma adequada é quase um crime. E se você não quiser ou não puder contratar um adestrador, no canal do Mardem, Fotógrafo de Cães, tem várias dicas de adestramento de cães para você!

Segundo a Jade, o border collie é um cão obediente ao seu tutor. O Mardem já considera a raça um pouco teimosa e fez uma participação no programa para dar sua versão. Eu e a Fran entendemos que talvez como uma questão que “depende do ponto de vista”. Então, se você tem um border, deixe aqui nos comentários se você o acha teimoso ou tranquilo para desempatar, ok?

BORDER COLLIE: CÃO MAIS INTELIGENTE DO MUNDO

Por fim, não dá para não mencionar o rank de inteligência canina, quando falamos de border collie, certo? Sim, ele está no topo da lista, o cão mais inteligente do mundo, seguido do Poodle Gigante, a raça da irmã do Guga, a Pitty. Nós já falamos de Poodle Gigante NESSE PROGRAMA, clique aqui para ler e ouvir.

Tanto é que temos o relato de uma fêmea border collie que aprendeu a identificar mais de 1000 objetos pelo nome, com o treinamento do seu tutor. Isso é fantástico!!! Mas a Jade, que é comportamentalista veterinária, nos explicou que essa não é uma exclusividade dos border collies. Nossos cães em casa também podem aprender. Entretanto, a diferença está no tempo que isso leva. Pois o border terá mais facilidade em assimilar informações, comandos ou objetivo e aprender do que outros cães. Portanto é uma questão de persistência e paciência para ensinar seu cão tudo o que você quiser que ele aprenda.

A inteligência do Border Collie, vem da necessidade de ser um focado e atento na atividade de pastoreio; E ainda é muito útil para cães que participam de competições, como Agility. Então, a qualidade intelectual da raça sempre foi muito mais importante do que o padrão físico. Por isso permite cães de tamanhos e pesos bem diferentes, desde que mantenha o mesmo grau intelectual.  Não é sensacional?

 

E você, o que acha do Border Collie? Conta pra gente nos comentários!

Esperamos que você tenha gostado do programa Beijos da Fê, Jade e Fran, e lambeijos dos Ursinhos, Guga e Jotapeg.

 

Related:

Postagem Anterior Próximos Posts

Sem Comentários

Deixe seu comentário